Novas normas ISO para máquinas-ferramentas mais eficientes

  • 0
machinetoolsiso

Novas normas ISO para máquinas-ferramentas mais eficientes

Tags : 

Quando o tema da eficiência energética é abordado, as máquinas-ferramentas energeticamente eficientes não vêm imediatamente à mente. Contudo, as máquinas-ferramentas contêm motores e componentes auxiliares cujo dispêndio energético varia amplamente durante as operações de usinagem. Felizmente, uma nova série de normas ISO pode ajudar a medir a energia fornecida e a melhorar o design e o desempenho da máquina.

As máquinas-ferramentas são dispositivos industriais complexos utilizados para fabricar peças prontas para uso ou produtos semi-acabados. Englobando uma série de ferramentas para o corte e modelagem de metal, madeira e plásticos, e todos os seus acessórios, as máquinas-ferramentas são utilizadas por empresas numa variedade de setores tais como a indústria automóvel, máquinas em geral, engenharia de precisão, setor médico, transporte, aeroespacial e indústria de moldes.

As máquinas-ferramentas usam, obviamente, diferentes formas de energia, tais como a energia elétrica, ar comprimido, energia hidráulica, energia escondida no sistema de refrigeração e lubrificação, etc. Portanto, a necessidade de energia de uma máquina-ferramenta é considerada como um dado-chave para o investimento, mas não é o único. O desempenho de uma máquina-ferramenta é multidimensional em relação ao seu valor económico, especificação técnica e requisitos operacionais, que são influenciados pela aplicação específica. Daí a razão pela qual a pegada ecológica é um desafio comum para todos esses produtos e, como os recursos naturais se tornam escassos, os critérios de desempenho ambiental para máquinas-ferramentas precisam de ser definidos e a utilização desses critérios especificada.

A ISO publicou recentemente as duas primeiras partes de uma nova Norma Internacional para a avaliação ambiental de máquinas-ferramentas, que se propõe a analisá-las relativamente às funções que prestam, a fim de destacar as semelhanças entre a variedade de tipos de máquinas-ferramentas existentes.

A ISO 14955-1, Machine tools – Environmental evaluation of machine tools – Part 1: Design methodology for energy-efficient machine tools, aborda a eficiência energética de máquinas-ferramentas durante sua vida útil. Identifica as principais funções e as componentes responsáveis pelo consumo energético durante a fase de uso. Estes componentes são então comparados com os componentes anteriores ou com os projetos para a sua melhoria futura.

A ISO 14955-2, Machine tools – Environmental evaluation of machine tools – Part 2: Methods for measuring energy supplied to machine tools and machine tool components, suporta a metodologia de poupança de energia segundo a ISO 14955-1, fornecendo métodos práticos para medir a energia fornecida às máquinas-ferramentas.

Ralf Reines, coordenador da ISO/TC 39/WG 12 que desenvolveu as normas, explica: “Esta é, dentro do meu conhecimento, a única norma relativa a este tópico que foi especificamente criada para máquinas-ferramentas. Abrange este tema de forma a poder ser aplicada a toda e qualquer máquina-ferramenta, apesar de existir uma variedade de grupos e produtos, por ex. diferentes tecnologias (como fresagem, torneamento, moagem, processamento a laser, moldagem), processamento de material (metal, madeira, plásticos), tamanhos (para produzir peças do tamanho de um dente ou para processar engrenagens para moinhos de 10 m de diâmetro). A norma incide sobre os utilizadores de energia relevantes para alcançar um melhor desempenho ambiental, sem afetar as possibilidades técnicas.”

De acordo com o relatório de Estudo de Mercado de 2016 pela Associação Alemã de Fabricantes de Máquinas-Ferramentas, a produção mundial deste tipo de equipamentos representa 67,7 bilhões de euros. A crescente procura por máquinas e sistemas de produção mais eficientes em termos do seu consumo de energia é um desafio relativamente novo para os projetistas de máquinas. Agora, com a nova série da ISO 14955, a eficiência energética é provavelmente um atributo de qualidade cada vez mais importante para as máquinas modernas.

As normas ISO 14955-1 e ISO 14955-2 foram desenvolvidas pelo comité técnico ISO/TC 39, Machine tools, cuja secretaria é realizada pela SNV, membro da ISO para a Suíça. Estas podem ser compradas no seu membro ISO ou através da loja ISO.

 

03.07.2018
Fonte: iso.org


Categorias

Pretende fazer a transição para a ISO 9001:2015?