Revisão das normas de gases com efeito de estufa em resposta às necessidades das alterações climáticas

  • 0
img_ref1895_01

Revisão das normas de gases com efeito de estufa em resposta às necessidades das alterações climáticas

Tags : 

img_ref1895_01

Com as rápidas mudanças no clima, as necessidades do mercado para projetos de alterações climáticas nunca foi tão dinâmico. Devido a esse facto a ISO está a rever as suas normas de gases com efeito de estufa, acrescentando valor às normas existentes de modo a torná-las aptas para o futuro.

Publicada pela primeira vez em 2006, o conjunto de normas de gases com efeito de estufa de ISO são um conjunto de ferramentas essenciais para programas destinados a reduzir as emissões de gases com efeito de estufa, bem como para o comércio de emissões. Agora o Comité Técnico da ISO para gestão de gases com efeito de estufa, TC207 / SC7, está a analisar diversas normas para garantir que atendem às necessidades futuras do mercado.

A norma ISO 14064-1 – Gases com Efeito de Estufa – Parte 1: Que define especificações com linhas de orientação ao nível da organização para a quantificação e comunicação de emissão e remoção de gases com efeito de estufa, irá abordar algumas questões chave de quantificação do inventário de GHG e contará com uma estrutura de comunicação mais normalizada.

A norma ISO 14064-2 – Gases com Efeito de Estufa – Parte 2: Especificações com linhas de orientação ao nível do projeto para a quantificação, monitorização e comunicação de emissão e incremento de remoção de gases com efeito de estufa, será alargada para ser aplicável aos créditos de carbono e projetos de tecnologia inovadores bem como em projetos internos das organizações.

A norma ISO 14064-3 – Gases com efeito de estufa – Parte 3: Especificações com linhas de orientação ao nível da validação e verificação de declarações de gases com efeito de estufa e ISO 14065 gases com efeito de estufa: Requisitos para organismos de validação de gases com efeito de estufa e de verificação para a acreditação ou outras formas de reconhecimento são as normas utilizadas em programas de gases com efeito de estufa em todo o mundo e serão revistas para garantir que são atualizadas o quanto possível de modo a atender a novas necessidades do mercado, tais como verificações da pegada de carbono do produto.

A ISO TC 207 / SC7 recebe regularmente pedidos de novas normas de alterações climáticas. Ouça mais sobre o comité no vídeo abaixo, com Tom Baumann a partir da sua cadeira.

As normas existentes podem ser adquiridas a partir do seu membro ISO ou da loja ISO.

Fonte (texto e imagem): iso.org


Categorias

Pretende fazer a transição para a ISO 9001:2015?